No marco do proxecto Poctep Net4food, Clusaga coordenou um workshop para coñecer as necessidades das empresas de alimentação em termos de I+D+i

Notícias

No dia 29 de maio, no âmbito do projeto Poctep Net4food, realizámos um workshop em Santiago de Compostela, coordenado pela Associação Galega da Indústria Alimentar (Clusaga), para conhecer em primeira mão as necessidades das empresas alimentares em termos de I&D&I.

Assim, as empresas do sector, em conjunto com centros tecnológicos e centros de investigação, identificaram os principais desafios que o ecossistema alimentar da Eurorregião Galiza-Norte de Portugal deve enfrentar para lançar as bases do Iberian foodtech lab (IFL).

Os 10 desafios identificados no workshop foram os seguintes:

  1. Orientar as linhas de investigação (universidades, agrupamentos industriais, etc.) para que estas estejam alinhadas com as necessidades reais do sector alimentar e vice-versa.
  2. Quebrar o atual estigma associado ao sector agroalimentar
  3. Compartir recursos para facilitar o acesso ao financiamento de capital
  4. Conseguir hábitos mais saudáveis através da I&D e da sociedade
  5. Permitir a avaliação à escala industrial em busca da rentabilidade da empresa.
  6. Melhorar os processos de produção para os tornar mais eficientes e conseguir zero resíduos.
  7. Contribuir para que o sector alimentar desenvolva novos alimentos saudáveis e sustentáveis com sucesso no mercado, melhorando assim a sua competitividade.
  8. Criar um sistema interprofissional, em que participem todos os agentes da cadeia de valor, desde a universidade até ao sector primário.
  9. Melhorar a acessibilidade e a qualidade da informação alimentar, bem como a geração de pensamento crítico desde a infância.
  10. Assegurar que os géneros alimentícios cheguem ao território de forma ágil, logística e com a máxima qualidade, nomeadamente em longas distâncias para produtos perecíveis.

Além disso, a fim de conhecer o estado atual das empresas em termos de I+D+i, bem como os serviços potenciais que poderiam solicitar ao IFL, os assistentes preencheram um formulário.

A investigação permanecerá ativa até ao próximo dia 21 de junho. Assim, as empresas que não participaram no workshop, mas que estão interessadas em contribuir para a construção do IFL, poderão expressar as suas necessidades e interesses nesta ligação.

Para mais informações, visitar o sítio Web da Clusaga

O proxecto Net4food, apoiado polo Programa Interreg VIN-A España-Portugal (POCTEP) 2021-2027, tem como obxectivo fortalecer as capacidades investigadoras e inovadoras do ecossistema alimentar da Eurorrexión Galicia-Norte de Portugal, no que, em conjunto com a Clusaga, o Instituto Politécnico de Bragança, a Universidade de Vigo, o Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia, a PortugalFoods, o MORE – Laboratório Colaborativo Montanhas de Investigação e o AquaValor CoLAB.

 

keyboard_arrow_up